Mundo tem mais de 4 bilhões de pessoas em quarentena

405

 

Cerca de 4 bilhões de pessoas em todo o mundo –ou mais de a metade da população mundial (7.8 bilhões)– estão submetidas a alguma medida de isolamento. A estratégia para conter o avanço do novo coronavírus é adotada por mais de 90 países.

Embora algumas autoridades considerem afrouxar as restrições, regras de distanciamento social têm sido estendidas em grande parte do mundo. O Poder360 fez 1 levantamento com a situação nos 10 países mais populosos em que as autoridades ordenaram que cidadãos ficassem em casa e fizessem o mínimo de viagens possível. Eis abaixo:

Na Europa, França, Espanha, Reino Unido e Itália decretaram medidas para o distanciamento social e somam 300 milhões de pessoas isoladas. Quase todas as regiões da Rússia adotaram medidas de distanciamento, totalizando mais de 14o milhões de pessoas confinadas.

Vários países latino-americanos também aplicaram bloqueios –alguns com reforço militar. Atualmente, 163 milhões de pessoas estão proibidas de deixar suas residências sem autorização do Estado no Peru, em El Salvador, na Argentina, na Venezuela e na Colômbia.

Com uma nova escalada de contágios na Ásia, as Filipinas têm aproximadamente 100 milhões de pessoas proibidas de sair de casa. Em 2 de abril, o presidente Rodrigo Duterte declarou que autorizaria a polícia a balear quem violasse as regras da quarentena.

Leis mais duras também foram aprovadas na Jordânia, onde qualquer pessoa que seja pega pelas autoridades nas ruas pode ser punida com até 1 ano de prisão.

Com exceção da África do Sul, os principais países do continente ainda não impuseram bloqueios completos, mas países como Quênia e Uganda têm promovido bloqueios em grandes cidades e toques de recolher ao amanhecer.

CASOS E MORTES

O mundo já soma mais de 1,8 milhão de pessoas infectadas pelo novo coronavírus. Até as 16h deste domingo (12.abr.2020), os EUA eram o país com maior número de casos, com 550.655 pacientes, seguido por Espanha (166.019); e Itália, com 156.363.

De acordo com o Centro Europeu de Prevenção e Controle de Doenças, pelo menos 205 países relataram casos de covid-19 até o momento: os mais recente foram Iêmen, Saint-Pierre e Miquelon e Timor-Leste, cada 1 com 1 caso registrado desde o feriado da Sexta-Feira Santa (10.abr.2020).