Cartórios do Brasil passam a fazer divórcios por videoconferência

433

Os cartórios de todo o Brasil agora dão a opção de realizar divórcios, compra, vendas, doações, partilhar e inventários de bens imóveis urbanos e rurais por meio de videoconferência.

Também já é possível fazer a realização de autenticações de documentos, reconhecimentos de firmas e procurações públicas. As medidas oferecidas são consequência da pandemia do novo coronavírus, que impossibilita as aglomerações para resolver até burocracias.

A norma foi publicada pela Corregedoria Nacional de Justiça do CNJ (Conselho Nacional de Justiça). Eis a íntegra (560,8 KB).

Fonte: Poder 360